domingo, 14 de dezembro de 2008

O Sono e os Sonhos



Foi embora mais um dia, se escondeu o sol no horizonte e veio o manto estrelado da noite nos convidando a um bom refazimento das forças, nos braços do sono. Há coisa melhor que uma boa noite de sono? Encostar a cabeça no travesseiro e aos pouquinhos a consciência vai partindo, partindo... mas para onde? Para os sonhos!! Os sonhos que a tantos poetas inspira que a todos refaz as forças... mas o que são afinal os sonhos? O que significam?
A ciência oficial, analisando tão somente os aspectos fisiológicos das atividades oníricas (os sonhos), ainda não conseguiu conceituar com clareza e objetividade o sono e os sonhos. No estado de vigília (quando estamos acordados) as percepções se fazem com o concurso dos órgãos físicos; os estímulos exteriores são selecionados pelos sentidos e transmitidos ao cérebro pelas vias nervosas. Quando dormimos cessam as atividades físicas (exceto as autônomas), motoras e sensoriais... cessam de tal forma as atividades físicas que os antigos chegavam a dizer que o sono era primo da morte!! Mas como se procedem os sonhos? Por que alguns são tão nítidos, às vezes onde temos visões de fatos que vem a ocorrer mais tarde no estado de vigília, exatamente como sonhado? Onde muitas vezes sonhamos a conversar com entes queridos que já fizeram a grande viagem através da chamada “morte”, de forma tão impressionante, que ao acordarmos parece que estávamos mesmos juntos?

A doutrina Espírita vem dar sua contribuição quanto a essa questão esclarecendo nossa realidade de Espíritos que preexistem e sobrevivem ao corpo físico. Em “O Livro dos Espíritos”, Allan Kardec questionando aos Imortais da espiritualidade, pergunta na questão nº 401, Durante o sono, a alma repousa como o corpo? Ao que eles respondem: - Não, o Espírito jamais fica inativo. Durante o sono, os liames que o unem ao corpo se afrouxam e o corpo não necessita do Espírito. Então, ele percorre o espaço e entra em relação mais direta com os outros Espíritos. Ocorre então, pela resposta dada a Kardec, o fenômeno da emancipação da alma, o desprendimento do Espírito encarnado, possibilitando-lhe afastar-se momentaneamente do corpo físico. Dormimos um terço de nossas vidas e o sono além das propriedades restauradoras do corpo, concede-nos possibilidades de enriquecimento espiritual através das experiências vivenciadas enquanto o corpo repousa. Mas Kardec ainda pergunta aos Espíritos Superiores na questão nº 402: Como podemos julgar da liberdade do Espírito durante o sono? Tendo como resposta: — Pelos sonhos. Sabei que, quando o corpo repousa, o Espírito dispõe de mais faculdades que no estado de vigília. Tem a lembrança do passado e, às vezes, a previsão do futuro; adquire mais poder e pode entrar em comunicação com os outros espíritos, seja deste mundo, seja de outro. Freqüentemente dizes: “Tive um sonho bizarro, um sonho horrível, mas que não tem nenhuma verossimilhança”. Enganas-te. E quase sempre uma lembrança de lugares e de coisas que viste ou que verás numa outra existência ou em outra ocasião. O corpo estando adormecido, o Espírito trata de quebrar as suas cadeias para investigar no passado ou no futuro.
Fica então claro que o sonho nada mais é do que a lembrança do que vimos em desprendimento, durante o sono. Martins Peralva estudando os sonhos em um dos capítulos do livro “Estudando a Mediunidade” propõem a seguinte classificação dos sonhos:
- Sonhos Comuns: Seriam as lembranças dos quadros que permanecem impressos em nossas própria mente. São imagens, às vezes, confusas e caóticas. Estão relacionados com o nosso cotidiano. Muitas vezes, ficamos presos ao corpo pelas preocupações materiais, idéias fixas, aspirações comuns e nos ligamos ao que mais nos preocupa ou fascina. São muito freqüentes, dada à nossa condição espiritual.
- Sonhos Reflexivos: São aqueles em que o desprendimento ou emancipação da alma permite um mergulho mais profundo em nossos registros perispirituais (nosso corpo espiritual, já que mantemos nossa individualidade mesmo sem o corpo físico), recuperando imagens, cenas de vidas passadas. Estas imagens são coerentes e se apresentam mais nítidas, como cenas de um filme. Os sonhos reflexivos podem ser conseqüentes, algumas vezes, a determinado fato de nossa vida real que nos leva a vivenciar cenas do pretérito, ou ainda, poderão ser induzidos por Espíritos desencarnados superiores ou inferiores.
- Sonhos Espíritas: São lembranças de nossa vivência real no mundo dos Espíritos. São recordações de encontros, estudos que participamos conversas, tarefas que desenvolvemos etc. Podem ocorrer também, perseguições e acontecimentos desagradáveis, sempre em função de nossa sintonia espiritual.



A análise dos sonhos pode nos trazer informações valiosas para nosso auto-descobrimento. Considerando toda a importância do estudo dos sonhos, o psiquiatra Carl Gustav Jung declarou: “Dentro de cada um de nós há um outro que não conhecemos. Ele fala conosco por meio dos sonhos”. Contudo devemos ter cuidado nas interpretações das imagens e lembranças esparsas. Há sempre um forte conteúdo simbólico em nossas percepções psíquicas que, normalmente nos chegam acompanhadas de emoções e sentimentos.
Se, ao despertarmos, nos sentirmos envolvidos por emoções boas, agradáveis, vivenciamos uma experiência positiva durante o sono físico. Ao contrario, se as emoções são negativas, nos vinculamos certamente a situações e Espíritos inferiores, ao qual nós mesmos nos vinculamos pelas leis de afinidade. Daí a necessidade de adequarmos nossas vidas aos preceitos do amor, perdão, abnegação, nos habituando à prece, à meditação antes de dormir... aprendendo a nos desfazermos das preocupações, não levando para cama coisas que nos agitem e perturbem. O momento do sono deve ser horário sagrado, oportunidade de total refazimento do corpo, mente e espírito. Que cientes disso tenhamos uma ótima noite de descanso, por que amanhã o trabalho cotidiano nos chama... grande abraço a todos... e bons sonhos!!!!


Diogo Caceres

19 comentários:

FRAN "O Samurai" disse...

Olá amigo Diogo!

Primeiro quero agradecer por ter me dado esse belíssimo livro (que postei em meu blog), e dizer que fico muito feliz por sua amizade e por todo esse carinho por minha pessoa. Realmente não esperava um presente assim! Hehehe! Foi inesperado, mas gratificante. Valeu também pelo cartão!

Obrigado de coração viu!

UAUUUUUUUUUUU! Hehehe!

Sobre a postagem, eu posso falar que tive vários sonhos em que vejo sim o futuro, mas eu só lembro do sonho quando ele acontece na realidade!

Pois raramente sou alguém que sonha! Não sei se tem haver com a posição que durmo, pois dizem que se você dorme de barriga pra baixo, não sonha! (risos) Não sei se isso é verdade ou é somente coisas da cultura popular.

Mas eu sonho sim, alguns eu acordo e não me recordo, como alguns tenho premonições do futuro mesmo.

Postagem curiosa e como tenho o meu livro de Kardec agora (hehehe), vou pesquisar sobre isso sim!

Abraço e mais uma vez obrigado pelo presente! Agradeço de coração!

PS.: A Déia me fez morrer de curiosidade com esse presente! Ela enrolou pra me dar viu! Hehehe!

Fui...

Izinha disse...

Bom dia querido amigo,

os sonhos fazem parte de nossa existência e pode-se dizer q nos abastecem espiritalmente, nos trás a compreensão de muitas coisas q não entendemos qdo estamos acordados...

Tem um presentinho de Natal esperando por vc, com muito carinho.

bjos e uma semana com muitos sonhos bons!

Conde Vlad Drakuléa disse...

Genial Diogo, prestas um enorme serviço de esclarecimento lógico à vários irmãos e irmãs na Terra com este post! Que bom que essa postagem se realizou hoje, eis aí uma explicação lógica e sensata....

Um grande abraço e "bons sonhos" para ti sempre!

Déia Arakaki disse...

Oi querido olha eu aqui de novo hehehe.

Bem , seria simplesmente o ato de se deitar , dormir e sonhar ou não , se nao soubessemos atraves do estudo espírita , que nosso espirito nesse momento do descanço do nosso corpo de carne se emancipa e se liberta em partes ao verdadeiro mundo que pertencemos , que é o mundo espiritual de onde viemos e para onde voltaremos um dia.
Lendo as obras de Kardec , principalmente o livro dos espiritos observamos que no momento do sono , vamos onde nossa personalidade se afina, seje ao ambiente bom ou nao!

Acho que a maxima de Jesus tambem se encaixa perfeitamente neste seu post.

"Orai e vigiai".

É importante não deixar que as atribulaçoes do dia a dia tb nos acompanhem na hora de dormir.
HA sempre espiritos a espeita de uma fraqueza nossa para tentar nos levar a lugares menos elevados.

Otima postagem meu lindo!!
Que Jesus nos abençoe infinitamente

beijao

Lucí disse...

Helllouuu amigo,

Sempre muito instrutivo seus posts. Eu já tive vários tipos de relações com sonhos, quando criança..meus sonhos serviam para a família fazer jogo do bicho!.. (eles não sabiam o que faziam!)..

Conforme fui crescendo, eu utilizava aqueles livro dos sonhos para interpreta-los, e com o tempo eu desisti por que eu percebi que não tinha lógica.

Como mencionei aqui pra ti, eu voltei a procurar a doutrina espirita com o falecimento do meu pai, exatamente pq eu sonhova demais com ele, e eram sonhos tão reias, tão claros, em que eu chorando dizia que eu o perdoava.

Foi quando procurei o centro e fui acolhida tão carinhosamente pela moça que trabalha na biblioteca, e ela disse que com ela isso tbm aconteceu, mas que o tempo esses sonhos foram diminuindo, onde ela me indicou O Livro dos Espiritos, que eu comecei a le-lo por aqueles que haviam ali para emprestimos, conforme eu fui lendo optei por adquirir um pra mim.

E realmente os sonhos com o tempo foram diminuindo. Porem.. comecei a ler O livro dos mediuns, apenas para aquisição de instrução.

Eu tenho duas pessoas em minha vida, que sao muito estimadas por mim, mas por circunstancias elas somem de minha vida.. e geralmente quando eu sonho com essas pessoas, depois de dias elas voltam a me procurar, isso ja a anos, mas eu nunca me dei conta disso, so achava que era coincidencia, e sempre na mesma ordem, primeiro um..depois o outro. E isso a mais de 5 anos. Foi quando por curiosidade foi olhar no indice do livro dos mediuns, sobre sonhos.. e diz que uma pessoa pode chamar um espirito que ainda nao esteja desencarnado. A unica explicação que encontro para essa coincidencia. Sonhar com a pessoa e dali no maximo dois dias a pessoa te procurar novamente..

Ainda eu procuro mais instruções..

Bjosss Diogo, fique em paz.. e pode ter certeza que a plantinha do conhecimento que coloca em seu blog é muito bem recebida por todos, uma otimaaa semana!

Vivian disse...

...boa tarde lindo!

muito interessante este seu
post falando sobre um assunto
do qual todos nós fazemos parte,
posto que nem um mortal deixa
de dormir, e sonhar, sejam eles
sonhos agradáveis ou nem tanto.

sua página é iluminada
dígna da sua sabedoria.

bjusssssssss

Eliana disse...

Oi Diogo,
Eu tive sonhos, na minha infância, que só me foram revelados agora, pois tiveram a ver com o significado desa minha missão.

É muito perigoso tentar decifrar um sonho, pois se interpretar errado pode confundir a pessoa.

O melhor é guardar conosco que a nossa própria vida acaba por nos revelar.

Cada um traz, em si, sua própria história.

Meu sonho, atualmente, é reunir o povo de Deus, pois está escrito:

"Haverá um só Pastor e um só Rebanho."

Eu Creio Na Palavra De Deus.

Uma abençoada semana para todos vocês,
Fiquem com Deus,
Beijos,

Déia Arakaki disse...

Voce merece toda e qualquer homenagem
Afina meu querido me aturar por mais de tres anos não é para qualquer um não rsrs

Te amo muito meu irmao de alma!!

Vanessa. disse...

Os sonhos fazem parte da nossa existência, constituem uma das essências da vida. Agradeço-lhe, fiquei a conhecer mais sobre eles graças a este seu post, não sabia nada destas coisas!

Branca disse...

Amor,perdão, humildade...devem ser constantes em nossas vidas sempre.
Muito bom o texto!

Boa semana pra ti,
Branca.

Déia Arakaki disse...

Como eu te disse no msn este cantinho é uma luz.
Obrigada pelas conversas de hoje na qual edificarao muito mais meu dia.
Conversar com voce, trocar informaçoes e pareceres sobres os livors sobre as situaçoes é sempre extremamente gratificante!!

E como eu disse naquela frase hoje :
Ao invés de amaldiçoar a escuridão que possamos acender uma vela !

Entao amigo que sejamos os pequenos palitos de fosforo ... rsrs

Um beijao e foi otimo mais uma vez conversar com vc!!
Te amo meu maninho querido

Carla Silva e Cunha disse...

Ola
Tudo Bem?

Estou a participar num concurso, se quiseres participar passa no blog www.avanessaguerradesafio.blogspot.com
e deixa a tua mensagem

Beijos

•.¸¸.ஐBruneLLa Wyvern disse...

Boa tarde, querido!
Que bela explicação encontrei aqui. Bom ler um texto tão bem escrito sobre um tema cercado de fantasias!
beijos e borboleteios com gosto de bala de coco!
^^

Cleo disse...

Olá Diogo, uma postagem excelente.
sobre sonhos é sempre bom ler.
eu particularmente tenho vários sonhos reflexivos, e muitos são como dizes, como se fosse um filme passando através dos nossos olhos. e outros sonhos em que pela manhã tenho as notícias dos acontecimentos.
acho mesmo que os sonhos dependem muito de como foi nosso dia, sintonizados, sincronizados, será?
Beijos e bela terça.
Cleo

Tatiana disse...

Esse assunto é muito interessante e rico!
Quantas vezes temos sonhos que parecem reais? Quantas vezes eles nos revelam coisas?
Acho fascinante SONHAR!
Seja de olhos fechados ou bem abertos!

Amigo, um beijo carinhoso para vc!

Bete disse...

Queridissimo Diogo
A doutrina espírita ( o pouco que conheço), veio esclarecer muitos questionamentos e dúvidas tão comuns e inerentes do homem.
Apesar disto, continuo buscando respostas e meios que aliviem minhas saudades.
Porém, quando sonho com meus filhos que ja se foram, me sinto mais leve e pronta pra recomençar.
Mas é tão dificil sonhar com eles!!!
Gosto muito de suas postagens e do seu carinho.
Bjs

Alma de Poeta disse...

Visitei o teu espaço e confesso que gostei bastante. O teu último post aborda um tema bastante interessante, o sonho e o sono....e é pelo sonho que vamos, penso.
Todos os teus outros pots são uma belissima escolha que fazem deste lugar um blog deveras interessante. Sinceramente,gostei!
Deixo um beijinho

Multiolhares disse...

Os sonhos, daria pano para mangas, mas indo dentro do que falas. é muito difícil o entendimento dos sonhos , pois na verdade não estamos adormecido só quando dormimos , mas acordados estamos adormecidos também, os nossos egos são muito fortes e não nos deixam vislumbrar o real, quando dormimos o nosso corpo etério solta-se e vai tendo experiencias vivencias que o corpo físico não entende e distorce,
gostei muito deste teu poste
beijos

Beatriz Alves disse...

Olá!

Você não me conhece, mas eu achei seu blog quando estava procurando no google sobre sonhos (na realidade com espíritos) e eu cliquei no seu e comecei a ler. Achei super interessante, pois adoro saber sobre essas coisas.

E realmente, tenho muitos sonhos estranhos, mas que lá na frente me dão base para qualquer situação!

Gostaria de poder te seguir, mas não estou conseguindo! Parabéns pelo blog!